segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Eu Queria Ter a sua Vida


Será que troca de corpos já pode ser considerado um sub-gênero da comédia? Até versão tupiriniquim já foi feita. Duas vezes! Eu Queria Ter a sua Vida, traz novamente a premissa de colocar uma pessoa no corpo de outra para que aprendam a valorizar a própria vida.

Mitch (Ryan Reynolds) e Dave (Jason Bateman) são amigos improváveis. O primeiro um mulherengo irresponsável e solitário enquanto o segundo um responsável e trabalhador pai de família. Após uma noite de bebedeira e reclamações sobre suas vidas os amigos acordam um no corpo do outro.

Se você esta imaginando que a partir daí, eles vão cometer dezenas de erros, complicar tudo ao mesmo tempo que aprendem alguma coisa, acertou em cheio. Felizmente, o longa de David Dobkin (Penetras Bons de Bico) traz (ou ao menos tenta) algo novo.

O roteiro é de Jon Lucas e Scott Moore, os mesmos de Se Beber não Case. A dupla levou um pouco deste humor escatológico e politicamente incorreto para esta comédia.  A começar pelo elemento mágico que torna possível a experiência. Uma fonte onde a dupla esvazia suas bexigas, daí para frente a coisa só piora. Embora não cheguem tão longe nos absurdos quanto no filme da ressaca, é muito mais que qualquer um de seus antecessores de "troca corpórea" fizeram. É nesta postura inesperada que está a graça do filme.

Baterman, se saí bem ao trocar de personalidade instantaneamente. É Ryan Reynolds (O Lanterna Verde), que não convence muito quando se torna um responsável pai de três filhos. A falha é compensada pelo elenco de apoio. Leslie Mann entrega uma esposa neurótica e hilária. Enquanto Olivia Wilde, que confessou ter "aprimorado" um pouco personagem , parece estar se divertindo com a misteriosa e insana colega/tentação de trabalho de Dave.

O roteiro tem furos, e termina com uma apressado e clichê. O que acaba não importando, uma vez que desde a já citada fonte percebemos que o filme não se leva muito a sério. O longa diverte pelas piadas inapropriadas. E surperende pela "cara de pau" de se assumir bobo, previsível e irresponsável.

Eu Queria Ter a sua Vida (The Change-Up)
>EUA - 2011 - 112 min.
Comédia



0 comentários:

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top