terça-feira, 15 de março de 2016

Informações úteis para sua maratona de Making a Murderer

Não é só de ficção e biografias romantizadas que vive a Netflix. Também dá para fazer maratona de documentários. E Making a Murderer é perfeita para espectadores que gostam de séries criminais. Pois acompanha o curioso caso de Steven Avery.
Curioso pois Avery, passou 18 anos na prisão por um crime que não cometeu. Quando finalmente consegue a liberdade e começa a retomar sua vida, o que inclui receber uma indenização gigantesca do Estado, ele se torna o principal suspeito de outro crime.

Informações úteis para sua maratona de Making a Murderer


1 - Não assista se você fica muito exaltado com injustiça, corrupção, perseguição, aproveitadores e burocracia exacerbada. Isso vai afetar seus nervos!

2 - O primeiro crime pelo qual Avery é acusado é abordado em apenas um episódio, o primeiro. Todos dos episódios restantes são dedicados à sua segunda acusação, que ganhou maior atenção da mídia, e gerou comoção nacional.

3 - A série foi produzida ao longo de 10 anos, à partir de sua segunda acusação.

4 - A produção do documentário teve acesso a noticiários da época, depoimentos dos familiares e advogados, além de estar presente no julgamento. Um prato cheio para quem gosta ou quer entender melhor o sistema judiciário estadunidense.

5 - Os fãs dos "CSIs" ou de outras séries criminais, por exemplo, devem gostar de acompanhar com detalhes o processo. A única grande diferença aqui, é que os policiais não são necessariamente os mocinhos.

6 - É muito provável que você termine a trama acreditando na inocência de Avery. Ou no mínimo que as evidências são inconclusivas e o julgamento foi equivocado.

7 - A informação acima não é um spoiler, o titulo da série já sugere isso. "Making a Murderer" significa "Criando um assassino" em tradução livre.

8 - A presunção de inocência é o ponto de vista adotado pelas co-diretoras Moira Demos e Laura Ricciardi. Esta última era advogada antes de virar diretora.

9 - Apesar de bastante convincente, a visão das diretoras não é definitiva e muito menos uma unanimidade.  Existem afirmações de que algumas evidências usadas no tribunal ficaram de fora do documentário.

10 - De qualquer maneira,  Steven Avery já não era um santo antes da primeira acusação, aquela da qual ele era inocente. Ele já tinha ficha criminal por roubo e maus tratos a animais.

11 - Você provavelmente vai morrer de curiosidade sobre o verdadeiro assassino de Teresa Halbach. E vai criar suas próprias teorias. Mas, lembre-se este não é um episódio de CSI.

12 - A série foi lançada próxima ao natal, e incomodou muita gente nos Estados Unidos. Os estadunidenses não queriam estragar as festas com o feio retrato do sistema judiciário que a série apresenta.

Informações com SPOILERS (continue por sua conta e risco)

13 - Desde o lançamento da série, em dezembro de 2015, dois abaixo-assinados online foram criados para tirar Avery da prisão. O primeiro, na Change.org, já tem mais de 160,000 assinaturas. A meta é 200,000. Já a no site oficial da Casa Branca tem mais de 19,000 e precisa de 80,000 para ir para a frente. Também organizaram uma petição que reuniu mais de 130 mil assinaturas direcionadas à Casa Branca, pedindo que o presidente Barack Obama concedesse o perdão oficial a Avery e Brendan Dassey. A Casa Branca emitiu uma nota explicando não poder interferir no caso, que é um assunto estadual e não federal.

14 - Sim, Avery e seu sobrinho Brendan Dassey ainda estão presos. E o lançamento da série reacendeu a dúvida. Ainda há muito a ser investigado. Logo, não se espante se em alguns anos a série ganhe uma segunda temporada, embora nada tenha sido confirmado ainda.

15 - Enquanto isso o Investigação Discovery anunciou a produção de um especial para dar sequência à série. Front Page: The Steven Avery Story pretende apresentar narrativas e informações cruciais para o melhor entendimento da história.

Fim dos SPOILERS

Making a Murderer é uma série documental, sobre um caso criminal que causou comoção desde o princípio, e teve sua discussão reavivada pelo lançamento da série. A temporada de 10 episódios com cerca de uma hora de duração cada, e está disponível na integra na Netflix.

Leia mais sobre séries, ou outras Dicas para sua Maratona na Netflix!

0 comentários:

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top