domingo, 10 de maio de 2015

As mães de Westeros

Fugindo da rotina dos posts melosos de Dias das Mães (nada contra, mas queria variar), resolvi criar uma analise muito parcial sobre as mães de Game of Thrones. Afinal muito se fala sobre as figuras femininas fortes de George R. R. Martin, e muitas delas tem essa força atrelada à seus rebentos. Parafraseando Brienne de Tarth: "o tipo de força de uma mulher"!

Segue agora uma lista das melhores (ou não) figuras maternas dos sete reinos, e os atos que foram capazes de realizar por seus pequenos:

Catelyn Stark
Mãe de Robb, Sansa, Arya, Bran e Rickon é Senhora de Winterfell e tem toda o porte e etiqueta de uma lady. Mas também é forte e educada, participando de discussões políticas ao lado do marido e posteriormente do filho, e tomando decisões por conta própria em muitos momentos. Super protetora, a mãe loba (apesar de não ser uma Stark natural), defende os filhos à todo custo, é aí que mora o perigo. No desespero para proteger os filhos Cat, toma muitas decisões equivocadas como a prisão de Tyrion e a soltura de Jaime. Se decisões certeiras em Westeros não estão livre de revés, imagine as equivocadas? O destino é cruel para Cat, que morre acreditando que perdera todos os seus filhos até...

Momento com spoiler:
... até seu corpo ser encontrado pela Irmandade sem Bandeiras, dias após sua morte e posterior "desova" em um rio. Trazida de volta à vida pelos poderes de R'hllor, se tornou Senhora Coração de Pedra. Praticamente uma entidade, sedenta de vingança pela morte da família, mal sabe ela que à não ser por Robb todos seus rebentos e estão vivos. Infelizmente esta parte da trama ainda não apareceu na série e pode ser que não seja aproveitada.

Cersei Lannister
Deveríamos chama-lá de Cersei Baratheon, mas ela nunca teve muito respeito pelo marido. De fato a irmã/amante de Jaime acredita que a mulher deve amar apenas os filhos, pois deste amor uma mãe não deve escapar. Por amor aos filhos ela defendeu a loucura de Joffrey, apenas para impotentemente vê-lo morrer. Estava disposta à sacrificar Tommem, para que o caçula, não fosse torturado pelos inimigos. E jurou o irmão Tyrion de morte por enviar sua única menina, Myrcella, como prometida ao príncipe de Dorne.

Infelizmente Cersey acredita ser mais inteligente do que realmente é! (ótima a cena que seu pai Tywin diz isso à ela). Logo, assim que seus planos de chegar ao poder se concretizam, ela perde o controle, seja para seus "supostos" aliados, ou mesmo seu filho Joffrey.
Ama tanto o filho que nem reparou que o intérprete de Tommen mudou!
Lysa Arryn
Irmã mais nova de Catelyn Stark, é a mais super-protetora das mães dos sete reinos, ao ponto de ser paranoica. Nunca desmamou o filho, que trata como uma criança frágil enferma e temperamental. Fugiu da capital com Robert 'Robbin" Arryn, quando acreditou que o menino seria enviado para ser criado como protegido de um grande lorde. Entretanto...

Momento com spoiler:
... a versão oficial que dera para sua fuga é de que os Lannisters assassinaram seu marido, e por isso temia pela vida do único herdeiro do Vale. Mais tarde descobrimos que a própria Lysa conspirou com seu amor de infância, Petyr 'Mindinho' Baelish, para causar a morte do marido e jogando a culpa nos Lannisters e dando início à disputa pelo trono. Depois disso, é difícil não desconfiar da real paternidade de Robbin. (Eu acho que Mindinho é o pai...)

Selyse Baratheon
É mãe apenas de Shireen, acredita que não foi capaz de dar mais filhos ao marido Stannis pois sua cama de núpcias pois esta foi profanada por Robert Baratheon durante a festa de casamento. Amargurada por não proporcionar filhos homens. é o único exemplo de mãe ruim de Westeros. Não tem nenhum apreço por Shireen, a menina doce e gentil, fora infectada ainda no berço pela fatal escamagri. A menina sobreviveu mas ficou com um lado do rosto e metade do pescoço cinzento, rachado e duro.

Goiva/Gilly
A filha/esposa do selvagem Craster tem nomes diferentes no livro e na série de TV. Deu a luz ao próprio irmão durante a passagem dos Guerreiros da Patrulha da noite pela fortaleza de seu pai, que resultou em um motim e na morte do patriarca. Logo, fugiu com seu bebê ao lado de Samuel Tarly, membro da guarda da noite. Na muralha, serve de ama de leite para o filho de Mance Rayder, já que sua mãe, Dalla, morrera no parto. (Pois é, esses dois não existem na série). Mais tarde é enviada para o sul, pelo Lorde Comandante Snow, Sam, Maester Aemon e Daereon...

Momento com spoiler:
... temendo pela sede de sangue real de Melisandre, Jon Snow troca os bebês de Gilly e Dalla. Obrigando a garota selvagem inconsolável a deixar seu filho para traz, e levar o outro bebê na viagem.


Daenerys Targaryen
Seu filho de verdade com Khal Drogo ela perdeu. Rhaego nasceu morto, e segundo sua parteira deformado, durante uma magia de sangue que salvaria seu pai da morte. Com ambos mortos, a Khaleesi na pira funerária de seu marido com seus três ovos de dragão petrificados. Saiu de lá como a mãe dos dragões, criaturas extintas há séculos. O único problema é que com o crescimento de seus enormes filhos répteis, Dany tem cada vez mais dificuldades para treinar Viserion, Rhaegal e Drogon. Aparentemente Como treinar o seu dragão, não é um best-seller além do mar estreito, e isso vai causar "altas confusões".

Daenerys também é considerada uma mãe para todos os escravos que libertou. Quem não lembra da cena memorável da moça sendo aclamada nos braços da multidão - Mhysa! Mhysa! Mhysa!- mãe em seu idioma aclamavam os libertos!

Senhora Melisandre de Asshai
Não é uma figura materna de fato. Mas como esquecer que a mulher vermelha deu a luz à uma sombra assassina, após dormir com seu auto proclamado Rei Stannis?

Olenna Tyrell
Já ouviu a expressão "filho de vó"? Pois Olenna é uma mãe para os netos Loras e Margaery. Faz vista grossa para a predileção amorosa de Loras. E conspirou magistralmente para a morte do Rei Joffrey, apenas para livrar Margaery do tormento que seria estar casada com o monarca. Logo em seguida arranjou o casamento da neta com o irmão caçula Tommen.

A mãe de Jonh Snow
Ué, temos "filhos de vó", matriarcas zumbis, mães de sombras e dragões, como não ter uma mãe incógnita? O filho bastardo de Eddard 'Ned' Stark nunca soube nada sobre sua mãe, e não faltam teorias para a identidade da moça. A mais popular é de Jon é na verdade sobrinho de Ned, filho de Lyanna Stark. A moça teria fugido por vontade própria com Rhaegar Targaryen, e não sido sequestrada como contam os vitoriosos da disputa que este sequestro/fuga gerou. Jon seria o filho de Lyanna e Rhaegar, cuja identidade Ned teria escondido à pedido da irmã no leito de morte, para proteger a criança da Ira de Robert.

Estas são as mães de Westeros uma mais dedicadas que outras, mas a maioria boas mães. Qual delas é sua favorita? Esqueci alguém? Leia mais sobre Game of Thrones!

E não esqueça de presentear a sua mãe neste domingo!

Parabéns mães!!!!

0 comentários:

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top