terça-feira, 20 de março de 2012

Observações da vida cotidiana: peculiaridades da rede

Rola o boato (ou na rede seria meme?) de que hoje, 20 de março, é dia do blogueiro. Embora não seja conhecida a origem ou quando essa celebração começou. Diferente do Blog Day (31/08), que foi escolhido devido a semelhança da  data com a palavra Blog (3108). Comemoração verdadeira ou não, já se espalhou enrão.... FELIZ DIA DO BLOGUEIRO!!!

Agora vamos blogar...

Para você que pensava que o facebook não poderia ficar pior. Depois dos memes e piadas bobas, chegou a vez das dezenas das inúmeras mensagens religiosas  e das imagens de pessoas e animais decepados.
1 - Você pode (edeve) ter orgulho de sua religião, mas não precisa provar isso para ninguém, muito menos todo dia, na forma de dezenas de imagens que ocupam toda a timeline.
2 - Justiça não deve ser feita pelas propeias mãos, não importa o quão mal era o bandido não quero ver suas partes decepadas. Se você acha essas imagens legais, procure um psicólogo urgente!!!
3 - A causa é boa, mas não traumatize as crianças (que nao deviam estar no facebook), e os amantes da natureza com imagens de animais decepados, só para mostrar o quanto isso é cruel.

Para não dizer que só critico o Facebook, eis um tipo de conteúdo legal que circula por lá. 
Graças a protestos criativos como este (ou não), em algumas cidades do Brasil já é proibido ouvir música sem fones de ouvidos nos ônibus. Embora desde que eu me entendo por gente, sempre foi proibido o uso de aparelhos, sonoros no coletivo. O ícone está lá bem ao lado dos bonequinhos com roupas de banho.

Apesar dos "sem noção" e das constantes alterações do Facebook, e dos esforços de muita gente legal que circula por lá, G+ não consegue deslanchar. Enquanto isso a Pinterest vem correndo por fora. E aí preparados para mais um perfil?

P.S.: Para você que ainda não descobriu que o Orkut já morreu: não entre em contato comigo lá. É muito provável que eu nunca responda. Assim que terminar de trabalhar o desapego deleto de vez aquele perfil. 

Encerro aqui minhas curtas observações do cotidiano "internético" (por enquanto), até a próxima!

Leia mais observações do cotidiano da vida moderna.

2 comentários:

Hugo disse...

Correntes se espalham pela net de todas as formas possíveis e com a popularização do Facebook já era esperado todo tipo de conteúdo.

Opinião pessoal, sempre gostei do Orkut, é uma pena que os criadores não tenham conseguido manter o interesse dos internautas.

Vamos ver até quando o Facebook dominará ou qual será a próxima febre social na Internet.

Até mais

Fabiane Bastos disse...

Hj postaram no Facebook, que Mark Zuckerberg criticou o comportamento dos brasileiros, com o excesso de correntes, mensagens politicas, religiosas, imagem agressivas, etc. Se é verdade ou só mais uma forma de inibir os excessos não faço ideia.

Bora fazer nossas apostas G+, Pinterest ou algo que ainda não conhecemos?

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top