segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Zé Colméia - O Filme

Sinto muito caro espectador, saudoso dos desenhos do urso falante, que pretende ir aos cinemas, Zé Colméia não é um filme para você. Entretant, sua companhia é mais que bem vinda para levar seu filho, sobrinho, primo de 10 anos ou menos à sala escura. O longa é feito na medida para os pequenos.

O Parque Jellystone, já não é mais tão lucrativo quanto nos "velhos tempos", e o prefeito decide vender suas terras para iniciativa privada, arrumando mais dinheiro para a cidade e mais votos para sua candidatura como governador. Tentando salvar a única àrea verde da região, e o lugar onde passou toda a vida o guarda-florestal Smith (Tom Cavanagh), resolve incrementar as comemorações do centenário do parque com novas atrações.Zé Colméia logo percebe que seu suprimento vitalício de cestas de piquenique está ameaçado, e resolve ajudar. Sempre seguido por seu fiel escudeiro Catatau, mete as patas traseiras pelas dianteiras, e estraga a festa. Agora os personagens correm contra o tempo para salvar o parque e contam com a ajuda da documentarista Rachel (Anna Faris), interesse romântico de Smith.

Se ficar com a sensação que já viu esse filme, não se espante. Provavelmente você já acompanhou esse enredo em dezenas de sessões da tarde. Mas, como disse no primeiro parágrafo, os pequenos ainda não tiveram tantas oportunidades. O enredo é bastante simples, e mistura de computação gráfica e atores reais também não é novidade (alô, Garfield e Alvin e os Esquilos). A unica novidade é diponibilidade do 3D, que se limita a atirar coisas na tela. É, originalidade passa longe deste longa!

A dublagem brasileira ficou boa, lembra bastante as vozes do desenho original, mas com qualidade do século XXI. Em inglês as vozes de Zé Colméia e Catatau são feitas respectivamente por Dan Aykroyd e Justin Timberlake. 

Um divertido curta do Papa-léguas e Coiote é exibido antes do longa, dando o clima de nostalgia à sessão que os mais velhos precisam para relembrar seus 9 anos e embarcar na onda de Jellystone. Acreditar que a vida é um piquenique e não se importar com a simplicidade das coisas. Afinal quando você tinha 10 anos, os enredos podiam ser simples!
Guarda Smith e par romântico

Colocando prós e contras na balança, é bom saber que as novas gerações podem ter um gostinho dos clássicos que curtíamos quando pequeno. E o melhor em uma linguagem atualizada e moderna que eles vão curtir com certeza!

Zé Colméia - O Filme (Yoggi Bear)
EUA - 2010 - 80 min.
Infantil

2 comentários:

Giselle de Almeida disse...

Não vi o filme, mas achei bem bonitinho esse Zé Colméia. Melhor que Garfield, pelo menos, que ficou horroroso.

Fabiane Bastos disse...

É bonitinho sim, mas não é p/ gente. Até pq a petizada vai precisar de coisas decentes p/ assistir na sessão da tarde daqui a dois anos. hehehehe

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top