quinta-feira, 15 de julho de 2010

Eclipse

Bela (Kristen Stuart) está em perigo mantendo seu romance impossível com Edward (Robert Pattinson), por causa de uma vampira vingativa. Ao mesmo tempo tem que lidar com um triangulo amoroso, já que a amizade de Jacob (Taylor 'Sharkboy' Lautner) é mais carinhosa que o normal. Epa! Peraí, eu já não escrevi essa resenha antes?

O detalhes são diferentes mas a história principal de Eclipse é a mesma de Lua Nova. Duvida? nem precisa ver o filme para confirmar, basta dar uma olhada no poster aí do lado e depois conferir o da resenha do longa anterior. Podiam fazer parte da mesma seção de fotos.

Flashbacks, que contam as histórias de lobos e vampiros e esclarecem o passado de alguns personagens, são a única novidade. Interessantes, eles finalmente começam a explicar para os "não-iniciados", quem é quem. Porque estão ali, e são como são.

Com o orçamento cada vez maior, agora vemos um exército de vampiros malvados que estão à caça da mocinha. A batalha pela proteção de Bela sela uma parceria inédita (e meio forçada)entre lobos e vampiros. O trabalho em grupo entre clãs, criou a melhor cena do filme.  Jacob e Eduard  protegendo a adormecida mocinha dentro uma barraca, no topo de uma montanha, declaram que gostariam um do outro se não fossem de tribos diferentes. Impossível não lembrar de Brockback Mountain, e cair na gargalhada.

No fim das contas Eclipse seria uma seção da tarde agua-com-açúcar bastante tolerável, não fosse toda histeria em torno da saga. Que no momento parece estar em uma fase de enrrolação. Estão cogitando transformar o ultimo livro em dois longas, quando deveriam ter aplicado o efeito contrário, transformar  os dois livros centrais em um só filme. Ambos começam e terminam no mesmo ponto, ao menos teriam mais história para encher as duas horas do longa. O jeito é esperar o fim da saga e quem sabe o fim da histeria coletiva quando inventarem a cura para o crepúsculismo.

A Saga Crepúsculo: Eclipse (The Twilight Saga: Eclipse)
EUA - 2010 - 124 min.
Aventura / Fantasia / Romance


Se você sofre de crepusculismo, ou só está curioso mesmo, leia mais:
Lua Nova, Crepúsculo

2 comentários:

Moon disse...

SHUAHUSASHUA confesso que sou completamente apaixoada pelos livros da saga, ja li cada um mais de 20 (sim, 20!) vezes e tudo...
mas não gosto dos filmes, dos atores... a verdade é que não gosto de adaptaçoes em geral. Fui ver o primeiro filme na estreia e sai na metade. não fui ver nenhum outro. pelo que eu ouvi falar tiraram muita coisa importante da historia e deixaram ela como voce mesma disse, monotona.
e essa histeria nem é tanto pela historia, gostam mesmo é do robert e do taylor USHAHUSAUSAHU

Bgs

Fabiane Bastos disse...

Não tenho nada contra adaptações, se bem feitas, claro. Livro é uma coisa filme é outra. Não dá para colocar tudo, se não vira novela.

Bom exemplo de adaptações são os Harry Potters. Já a de O Diabo Veste Prada melhora, e muito, o livro! :P

Quanto a histeria, se é só por causa dos meninos as crepusculetes são meio ceguetas. Uma vez que o Taylor "Sharkboy, e o Robert "Cedrico", já estão nas telonas a algum tempo. Elas só notaram agora??? Além de histéricas distraídas....

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top