sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Romance com o Duque

Talvez este livro devesse ter outro título! - Admito que esta foi uma das primeiras coisas que pensei, afinal o título entrega a parte mais importante da trama. Isso, se você não conhecer o currículo de sua autora. Tessa Dare tem vários prêmios por seus romances históricos para maiores. Tendo essa informação a questão importante não é a existência do romance, mas quando e como ele vai acontecer.

Em Romance com o Duque, a filha de um famoso escritor de fantasia, Isolde "Izzy" Ophelia Goodnight, se encontra em apuros. Após a morte repentina de seu pai, se descobriu sem recursos, quando seus bens foram passados para seu primo, uma vez que no século XIX mulheres não tinham direito à herança, à menos que indicada em testamento. Felizmente, seu padrinho Conde Linforth fez exatamente isso, deixou algo para todas as suas afilhadas.

Izzy se torna dona de um castelo. Infelizmente esta propriedade já tinha um dono e residente, o tal Duque do título. Não precisava nem da dica no título para perceber que a dupla vai se apaixonar enquanto briga pela posse do castelo. A parte interessante fica por conta do desenvolvimento deste romance e da personalidade dos protagonistas.

A mocinha, cresceu cercada por contos de fadas, mas sabe que a vida não se parece nem um pouco com eles. Se considera uma mulher sem atributos que provavelmente passará a vida sozinha. Já Ranson, o duque, é um rico amargurado que após um evento trágico se tornou um recluso. A dupla vai descobrir entre um namoro e outro, como superar seus traumas e dificuldades.

Novamente, não é uma história extremamente original, mas seu desenvolvimento prende o leitor. Especialmente por causa da linguagem simples e direta de Dare e pelo carisma que a autora dá à seus personagens. Os mais exigentes podem ficar incomodados com alguns detalhes incertos, e imprecisões históricas. Como detalhes da deficiência de um personagem, ou do absurdo número de fãs dos livros de Goodnight (suficiente para uma convenção, com direito a cosplayers) em uma época que a educação formal não alcançava grande parte da população.

E por falar na série de livros de Goodnight, eles trazem um universo à parte dentro da narrativa. Uma vez que estes também foram interrompidos com a morte do pai de Izzy. Fazendo com que a mocinha vire alvo da curiosidade dos fãs. Fãs estes que se comportam como os fãs de hoje em dia, organizando clubes, trocando correspondências, fazendo cosplay. Talvez seja historicamente impreciso, mas é de fato divertido. Além disso há quem ficará tão interessado na história dentro da história, quanto na trama principal.

Assim como em Uma semana para se perder, o final soa um tanto apressado. Uma característica da autora que não agrada a esta blogueira que vos escreve, mas parece ser constante e não incomodar a maioria. Considerando que o romance foi vencedor do RITA Awards (Romance Writers of America) em 2015.

Romance com o Duque é o primeiro volume da série Castles Ever After*, que conta as histórias das afilhadas do Conde Linforth e seus castelos recém-herdados. E entrega o que promete no título, além do estilo habitual de quem já conhece o trabalho de Tessa Dare. A intenção é proporcionar algumas horas de entretenimento leve e divertido. Tarefa que cumpre muito bem.

Romance com o Duque (Romancing the Duke)
Série Castles Ever After
Tessa Dare
Gutemberg

*A editora Gutemberg já publicou no Brasil o segundo volume da coleção, Diga sim ao Marquês.

Leia também a crítica de Uma semana para se perder.

0 comentários:

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top