quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Alvin e os Esquilos 3

Alvin e os Esquilos 3, começa exatamente onde o segundo filme terminou, com o roedor que tem seu nome no título, aprontando e Dave, gritando seu nome. Ficou com a sensação que já leu isto? É porque também comecei assim resenha de Alvin e os Esquilos 2, lá em 2010. Ou seja, a terceira aventura dos chipmunks é na maior parte do tempo, mais do mesmo.

Não me levem a mal, não tenho nada contra os esquilos (cresci assistindo as animações dos anos 80), mas convenhamos, os roteiros dos filmes não são lá um poço de criatividade. São na verdade uma compilação de hits atuais. Em muitos momentos a sensação é que as músicas são escolhidas e o roteiro criado para encaixa-las. Quando não conseguem, simplesmente fazem as esquiletes "whip their tails back and forth", igual a Willow Smith, sem motivo aparente.

Dave (Jason Lee) sai em férias de família e leva suas "crianças", Alvin, Simon, Theodore, Eleanor, Jeanette e Brittany, para um cruzeiro. Não demora muito para Alvin aprontar e fazer com que os esquilos sejam içados do barco direto para uma ilha deserta. Lá todos vão repensar seus comportamentos, enquanto Dave e Ian (David Cross), o produtor malvado do outros filmes, procuram pelo sexteto. Mencionei a náufraga?

Zoe (Jenny Slate) vive sozinha na ilha a tempo suficiente para não bater bem das bolas, literalmente. A moça tem como amigas bolas, de basquete, golf, tênis (de vôlei não, ufa! ao menos uma piada para os adultos!).

É verdade, na ilha o foco da aventura deixa o mercado musical, e aponta para a sobrevivência. Assim temos todo tipo de clichês de aventura em ilhas e florestas possíveis. Fazer fogo, abrigo, SOS, mistérios da ilha, Survivor das Destiny Child como trilha nas vozes alteradas dos roedores, etc.

O ponto alto é a  nova personalidade de Simon, "Simôn" um galanteador francês. Sem o esquilo responsável por perto Alvin percebe o quão problemático é seu comportamento, apenas para esquecer tudo ao final da aventura. Voltando a ser o centro das confusões e mantendo o "status quo". A maior participação de Jason Lee, que no segundo fazia apenas uma participação de luxo, também é uma melhora.

O resto se resume à fuga da ilha, intercalada com músicas e lições de moral para os pequenos. Melhor que o segundo sem dúvida, mas nada excepcional. Vai agradar mesmo apenas os pequenos.

Alvin e os Esquilos 3 (Alvin and the Chipmunks 3 Chipwrecked)
EUA - 2011 - 87 min
Infantil

0 comentários:

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top