quinta-feira, 10 de novembro de 2011

O Guia do Mochileiro das Galáxias

"Volume Um da Trilogia de Cinco"

"NÃO ENTRE EM PÂNICO!"

As inscrições da capa, já dão uma pista sobre o tom da aventura em que vamos embarcar. Humor, e uma certa preocupação, já que segundo a cultura popular: nada deixa uma pessoa em pânico mais rápido que um aviso, para não entrar em pânico. Aquele que ouviu o aviso tende a achar que algo que o deixaria em pânico acaba, ou está prestes a acontecer.

O típico inglês Arthur Dent, consegue escapar da destruição da terra momentos antes que ela ocorra, pegando carona com em uma espaçonave com seu amigo Ford Prefect. Além de superar o choque de descobrir que seu amigo é um extra-terrestre, e de que a Terra fora destruída para dar espaço a uma nova via hiperespacial intergaláctica, o terráqueo precisa sobreviver a vida pegando carona pelo espaço. - Fato: pegar carona pelo espaço é tão perigoso quanto em estradas da terra, embora infinitamente mais surpreendente. - Munido apenas de uma toalha, segundo o Guia do Mochileiro das Galáxias: "um dos objetos mais úteis para um mochileiro interestelar".

O texto é ágil e bem humorado, mesmo nas horas do tal pânico. A história é imprevisível, já que o autor tem total espaço e liberdade para inventar um universo inexplorado. Estranhas raças, planetas, e até pensamentos criam resultados inesperados a cada novo encontro de Arthur e Ford. Além de "filosofar" por diferentes assuntos, como a supra-citada questão fundamental. Sobre a vida, o universo e tudo mais.

Tudo intercalado e esclarecido com a ajuda do Guia do Mochileiro das Galáxias, um livro constantemente atualizado com todo e qualquer verbete que possa existir no universo. É no guia que estão o charme e as melhores partes da jornada. Uma vez que, quer as personagens o consultem, ou não nos esclarece sobre todo e qualquer assunto relevante ou não para a narrativa. Embora sempre interessante. A vontade é comprar um exemplar, estuda-lo, e reservar ao lado de sua toalha só por precaução.

A única reclamação é Marvin. O carismático robô maníaco depressivo, tem bem menos espaço, que a adoração que o cerca. Ficando de lado durante quase toda a narrativa. Na verdade um problema causado pela expectativa criada por outras versões do romance, que nasceu no rádio. Sempre foi claro: Marvin é um coadjuvante e recebe o espaço devido. Mas tudo bem, o robô ainda tem outros quatro livros para mostrar seu "charme", para desespero dele.

Ágil, inteligente, bem humorado e até instrutivo. Leitura perfeita para quem quer se divertir sem desligar o cérebro.

O Guia do Mochileiro das Galáxias (The Hitchhiker's Guide to the Galaxy)
Douglas Adams
Sextante


0 comentários:

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top