segunda-feira, 18 de abril de 2011

Fúria Sobre Rodas

Nicolas Cage precisa de um hobbie, ou está endividado até o pescoço. Só assim para explicar a enorme quantidade de longas com o astro previsto para 2011. Dois já foram, Caça às Bruxas e Fúria sobre Rodas, e ao menos outros dois deve estar por vir Trespass e The Hungry Rabbit Jumps. Quando se faz tantos filmes de uma só vez, não é de se admirar que alguns deles não faça o menor sentido.

Milton (Nicolas Cage), estava cumprindo pena quando sua filha foi assassinada por uma seita satânica. De volta ele tem apenas três dias para resgatar sua neta do sacrifício. Durante a missão conhece Piper (Amber Heard), uma garçonete durona que se envolve na briga e é obrigada a embarçar na missão ao lado de Milton. Para completar a correria o avô dedicado faz tudo isso sendo perseguido por um contador (William Fisher), que deve leva-lo de volta a sua vida de penitência.

Não se engane pelo título de filme de corrida. Fúria Sobre Rodas (Drive Angry, no original) está mais próximo de Sobrenatural, que de Velozes e Furiosos. A explicação para o nome? A placa do carro que leva Cage em sua jornada tem a inscrição Drive Angry, ao invés de números

Entretanto, se curte corridas de carro, tiroteios e explosões não precisa ficar triste. O longa tem tudo isso e em 3D! O road-movie de perseguição trash-sobrenatural de ação, parece não ter decidido muito a que veio. Mas veio, com jeitão de video rock dos anos 1980, para ter estilo. Loira de shortinho falando palavrão, para estimular a testosterôna na sala. E com o protagonista com nome de autor de poéma épico (John Milton - O Paraíso Perdido), para parecer inteligente.

Completa com um mistério-obvio (daqueles que a maioria saca de primeira) sobre o passado da personagem principal e pode vender! Sem se preocupar, com coerência ou lógica. Preocupação é para os fracos!

Sim. É possivel se divertir com Fúria Sobre Rodas, afinal tem explosões (existem programas que só mostram isso), lutas, perseguições. O segredo é fazer como Cage em seus últimos longas, não levar nada muito a sério e se divertir, sem grandes (ou mesmo pequenas) exigências.

    Fúria Sobre Rodas (Drive Angry)
    EUA , 2010 - 104 minutos
    Ação

    2 comentários:

    Giselle de Almeida disse...

    Cruzes, Fabi, parece horrível! Mas choquei mesmo foi com o fato de Nicolas Cage ser avô no filme! Ele tá ficando velho!!!! hehehe

    Fabiane Bastos disse...

    Na verdade ele è avô sem ser velho. Tem um detalhe na história, que não posso contar sem estragar, uma das poucas surpresas, que limita a idade dele.

    Isso q dá ter amigas viciadas em Cage. Era isso ou ver Rio sozinha (a gente vê mais de um por dia, e faz "zerinho ou um", p/ escolher os filmes). Mas acho que os danos não são permanentes.

     
    Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
    Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
    back to top