quinta-feira, 2 de abril de 2009

Watchmen - O Filme

Depois de tanta comoção gerada pela mais recente morte de um personagem do ator Jeffrey Dean Morgan, o Comediante em Watchmen, resolvi conferir o longa causador de tantas discussões pessoalmente.

O estardalhaço em torno de Watchmen não se restringe à campanha "Salvem o Jeffrey Dean Morgan!". Na realidade esta é só uma brincadeira diante do barulho feito pela imprensa especializada para a chegada do filme. Dúvida? Confira este especial do Omelete, ou compre a SET deste mês. A matéria de capa sobre o filme tem nada menos que 20, 20 páginas.

Logo é compreensível meu espanto com tanto alarde por uma obra da qual, admito, nunca tinha ouvido falar. Então só para esclarecer quem assim como eu está por fora desse fenômeno da nona arte, eis um paragrafo explicativo. Embora eu acredite que o único modo de compreender Watchmen completamente é ler a obra original.

Lançado em 1986, a grafic novel de Alan Moore tenta virar filme a uns 20 anos. A dificuldade de produzir uma adaptação para as telonas é justificada. Watchmen tem uma legião de fãs temerosos por uma adaptação ruim, um enredo complicado, cheio de narrativas paralelas e até foi eleita pela revista TIME como uma das 100 obras mais importantes da literatura no século XX.

Extremamente fiel a linguagem dos quadrinhos, o que inclui a violência e o visual, o longa é também o quadro de como seria o nosso mundo caso houvessem vigilantes e pessoas superpoderosas zanzando por aí. Mostrando o lado bom e o ruim dessa possibilidade, tornando a filme muitos mais próximo da realidade, mais complexo e menos previsível (graças!) que os filmes de heróis a que estamos acostumados.

Watchmen - O Filme, deve agradar os fãs (mesmo com o final diferente -outra polêmica!). Não posso afirmar o mesmo do público não iniciado na singular grafic novel, que pode ficar confuso com os tantos vigilantes assim como os muitos detalhes da trama. Mais decepcionado ainda fica o pessoal que curte só a ação dos filmes de herói, que neste, abre espaço para o falatório, necessário para entender as nuances da trama, além da história e dilema das personagens.

Ao menos aqui o óbito do personagem de Morgan tem maiores consequências que um breve chororô. É a morte do vigilante, conhecido por comediante, que leva outro vigilante o Roshchach (Jackie Earle Haley) a acreditar que os "heróis" mascarados, proibidos por lei de agir, estão sendo caçados por um assassino.

Aos poucos a trama cresce e, enriquecida com flashbacks sobre os personagens, se revela um plano mirabolante para salvar o mundo. Ameaçado por uma guerra nuclear entre os Estados Unidos e União Soviética.

Também estão em cena Patrick Wilson (o Coruja), Malin Akerman (Espectral), Matew Goode (Ozymandias) Billy Cruduo (Dr. Manhattan) e Carla Gurginho (a primeira Spectral).

Watchmen - O Filme (Watchmen)
EUA - 2009 - 156 min
Ação / Drama / Ficção científica

2 comentários:

Giselle de Almeida disse...

Eu fui ver o filme sem ter noção da história. Achei bem-feito e a trama me parece bem inteligente, mas o filme é muito longo e tem que dar conta de muitas informações. É um vai e vem meio confuso. Podia ter sido dividido em duas partes, talvez.

Fabiane Bastos disse...

Foi dificil sair 1 imagina se dividissem em 2! Mas a versão do diretor que deve sair em DVD tem 30minutos a mais.

Também bastante comlicado p/ os não "iniciados". Só consegui escrever esse texto com muita pesquisa, mesmo assim ainda não sei se entendi tudo.

 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top