quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Só no SBT!

Ja que ando publicando posts curtinhos um a mais não vai fazer mal não é!

Lá estava eu feliz da vida assistindo Ugly Betty ontem a noite no SBT, quando uma nova propaganda bizarra chamou minha atenção. Mas dessa vez não foi a propaganda que me assustou, como de costume, mas sim o programa que ela anuncia.

É um programa de variedades, que conta com um jornalista, uma modelo, um chefe de cozinha e ainda tem a Claudete Troiano para fechar o pacote. Qualquer semelhança com o Hoje em dia da Record, não é mera coincidência! A Única diferença é que o programa vai ao ar a tarde. Sinceramente se essa for a opção prefiro as novelas mexicanas de volta, pelo menos elas acabam um dia.

Em apenas uma propaganda aprendi duas coisas:

1. O velho guerreiro tinha toda a razão - "Na TV nada se cria, tudo se copia"

2. Eu devia voltar a mudar de canal durante os comerciais....
Leia Mais ››

Faltou o nº15

Três dias depois de publicar o post percebi que minha lista de 15 blogs indicados para o Prêmio Dardos só tinha 14 itens. Totalmente incosciente, a ausência de um item na lista pode ter sido causada por uma distração momentânea, ou pelo número de blogs que sempre visito ser inferior ao estipulado pela norma do prêmio. Nunca vou saber!

Mas vou me redimir, unindo o útil ao agradável. Ofereço o ultimo prêmio, a uma blogueira que voltou a ativa ontem, e ficaria fora da lista não fosse meu esquecimento.

15.Mais de mim
Leia Mais ››

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Prêmio Dardos

Gente! Que chique ganhei um prêmio!

Fui indicada para o Prêmio Dardos pela Bel do blog Quiet Things That No One Ever Knows, (muito legal, visitem).

Eu ja tinha lido sobre esse prêmio no blog da Rapha, o objetivo é :
"reconhecer os valores que cada blogueiro mostra cada dia em seu empenho por transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc…, que em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras.” (Explicação bonita né!)

Para receber o prêmio tem que seguir 3 regras:
1 – Aceitar e exibir a imagem;
2 – Linkar o blog do qual recebeu o prêmio;
3 – Escolher 15 blogs para entregar o Prêmio Dardos.

Então lá vai minha listinha

1. Transparecendo
2. Foi só uma idéia
3. MIX cultural
4. Som do som
5. Cultura Inútil
6. No íntimo da questão
7. Caldeirão de Séries
8. Só seriados de TV
9. Tudo é Critica
10. Um Livro por Semana
11. Assistimos Muito
12. CulturAngra
13. YouTurbo
14. Notícias e Pontos de Vista
Leia Mais ››

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Meme Olímpico


Ainda em clima de olimpíadas e inspirada pela descoberta da "incrível" trilha sonora do Cubo d'Água, a Nayra propôs no seu blog um novo meme.

O desafio é listar as 5 coisas mais sem noção das olipíadas de pequim.

1. Mais sem noção que Michael Phelps é a "babação de ovo" sobre o atleta, exercida constantemente pelos comentaristas e narradores dos jogos. Um deles chegou a criar a Phelpslândia, ja que o atleta sozinho, ganhou mais medalhas que muito país.

2. Shown Jonson é um robô, e foi feita na mesma fábrica que a Maysa (protótipo de apresentadora do SBT). A ginasta não fica nervosa, não faz esforço e nem demonstra emoção. Quando faz uma prova perfeita esboça o mesmo sorriso amaralo de quando era, o que quase nunca acontece!

3. O jogador de basquete mais alto da China, Sun Ming, que tem 2,36 metros, foi fabricado. Após se aposetarem seus pais, também os jogadores mais altos de sua geração, tiveram um casamento promovido pelo governo Chinês para produzir o jogador mais alto do país.

4. Sabotagem ao Brasil: depois dos jogos de Atenas, onde o maratonista brasuca foi literalmente segurado perdendo assim a medalha de ouro, é a vez da China atrapalhar as raras chances de medalhas dos Brasileiros. Além do sumiço da vara de Fabiana Murer. Uma atetla do pentatlo moderno teve seu equipamento atropelado no aeroporto. Será que alguém sabotou o solo antes de Diego começar a prova???

5. Por ultimo mas não menos "sem noção": uma das maratonistas bebeu muito daquele energético azul, aí não teve jeito, a natureza chamou e a mulher teve que se aliviar na pista mesmo!

Agora passoa a bola pra frente. Quero ver para que absurdos a Gi e a Rapha, e quem mais se interessar, diriam: "vai ser sem noção assim lá na China!"
Leia Mais ››

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Mais música olimpica

Assistindo Michael Phelps ganhar sua 7ª medalha, enquanto esperava César Ciello competir pelo primeiro ouro do Brasil, uma música da vitória muito diferente tocava no Cubo d'Agua, Ilariê!!!

Eu podia jurar que escutara o maior hit da nossa rainha dos baixinhos durante as provas de natação. Não podia ser, devia ser uma música chinesa qualquer com um ritmo parecido. Me convenci de que fora apenas uma impressão.

Meu queixo despencou quando ao assistir o Jornal Hoje desta segunda-feira, uma matéria confirmou, minha impressão. Pasmem a música era Ilariê mesmo!

O organizador da trilha sonora do Cubo d'Agua escutou por acaso a versão em espanhol na internet e achou que a musica tinha um clima festivo. E mesmo sem saber sobre o que fala a letra (ainda bem que fala de festa mesmo!), resolveu colocar a musica durante as competições.

No individual geral madrugada de sexta-feira:
Não assisti desde o início (me distraí vendo House na Record), mas deu pra escutar Piratas do Caribe novamente.
E uma das chinesas se apresentou ao som de Moulin Rouge.

E eu continuo me divertindo as singularidades das competições do outro lado do mundo!
Leia Mais ››

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Mix Explica: Star Wars

Em tempo de estréia de Star Wars: The Clone Wars nos cinemas, encontro mais um texto antigo sobre a série.

O texto escrito em 2005, (na época do lançamento do Episódio III - A Vingança do Sith) fazia parte de um trabalho de faculdade. Um projeto gráfico onde o mais importante era o layout da revista (é sério o texto podia ser um monte de nonon, que a professora não ligava), mas resolvemos escrever os textos de verdade. Como o compromisso com o texto era menor os mesmos ganharam um tom divertido, o que acabou se tornando a melhor parte da revista.

Leia agora o guia "Fabiane" para entender Star Wars, originalmente publicado na revista Mix Cultural (é, é o mesmo nome de um dos blogs da minha lista), na seção Mix Explica.

MIX Explica
Star Wars

Um jovem herói, um vilão perfeitamente malvado, duelos de espadas, uma princesa, naves super-rápidas capazes de manobras radicais e espadas-laser de nome maneiro: sabre de luz. Há pouco tempo, mais precisamente há 28 anos, essa era a receita de um filme muito estranho, que não pagaria suas despesas.


Hoje cinco seqüências depois e com vários milhões nos bolsos de George Lucas, ninguém duvida que essa história interessaria ao público. Ainda mais se forem conferir os 393 milhões de dólares que o ultimo filme da saga espacial acumulou em apenas oito dias de exibição, se tornando a maior bilheteria de 2005.
Mas se por um acaso você andou habitando uma galáxia muito distante nos últimos trinta anos e ainda não consegue entender esse negócio império, jedis e Wookies, não se preocupe e continue lendo essa matéria...

Quando foi lançado em 1977 Star Wars (ou Guerra nas Estrelas) era bem simples: mocinho contra bandido (aliais o bandido vestido de preto para todo mundo saber quem é). Suas seqüências também são fáceis de entender: como o vilão não morre no final do primeiro filme, a história não acabou e a batalha entre o bem e o mal continua. Os episódios IV, V e VI de Star Wars narram a batalha das forças rebeldes para destruir o império galáctico.

È aí que coisa complica. A história está sendo contada fora de ordem. Em 1977 foi lançado o Star Wars (o subtítulo Episódio IV – Uma nova esperança só foi adotado quando Lucas decidiu filmar as seqüências), Episódio V – O império contra-ataca de 1980 e Episódio VI – O retorno de Jedi de 1983. Esses três filmes contam como o jovem Jedi Luke Skwalker, a princesa Leia Organa, conseguem derrotar o império com a ajuda de Hans Solo, do wookie Chewbaca e dos Robôs R2D2 e C3PO.

Dezesseis anos depois Lucas achou que podia contar o início da história. Os episódios I – A ameaça Fantasma, II – O ataque dos Clones e III – A vingança do Sith, contam como a república se tornou império, e como surgiu o vilão perfeitamente malvado do início deste texto, Darth Vader.
Mesmo depois dessa breve explicação você provavelmente está meio confuso, afinal ainda não expliquei esse negócio de wookies e jedis. Bom, wookies são uma raça que habita o planeta Kashyyyk. Enquanto os jedis são guerreiros que tentam manter a paz na galáxia, utilizando a “força”, e sabres de luz.

Bom agora que você já tem esse modesto guia, basta seguir até a locadora mais próxima e assistir aos filmes. Se depois disso você ainda quiser saber mais pode descobrir conhecendo os outros produtos da saga, que vão de desenhos animados até livros. Que a força esteja com você.

A Mix Cultural também trazia matérias sobre a Jovem Guarda, uma banda chamada Zabatê, a Arte do Grafite, entre outras. Quem sabe um dia publico todas aqui.
Leia Mais ››

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Música olímpica

Não. Esse post não é sobre a dublagem da pequena cantora chinesa na abertura dos jogos. Mesmo porque era fácil perceber que a menina estava dublando. Só esperavamos que a voz fosse a dela mesmo, igual a Britney Spears faz. O que posso fazer é torcer para que a dona da voz não fique traumatizada por não ser bonita o suficiente e continuar o post.

Este post tem o objetivo de divulgar o mais novo passatempo para cinéfilos e viciados em TV durante jogos olimpicos e pan-americanos. O desafio é reconhecer as trilhas sonoras que as ginastas usam em seus exercícios.

Nos jogos pan-americanos do Rio no ano passado, as meninas da Ginástica rítimica usaram e abusaram da trilha sonora de Piratas do Caribe.

Este ano nas provas de ginástica artística em Pequim, enquanto assitiamos as meninas do Brasil sentadas esperando a próxima rotação, pudemos ouvir ao fundo as musicas de Perfume de mulher, Sr. e Sra. Smith e até a abertura da série Arquivo Morto. Infelizmente não faço ideia de quem estava executando as provas de solo com essas musicas. Quem souber por favor me conte para que eu possa procurar e assistir as apresentações no YouTube.

Agora é esperar a Ginástica rítmica começar. Enquanto isso assista essa canadense que escolheu Memórias de uma Gueixa para embalar seus exercícios.



Leia Mais ››

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Floresta, carnaval e futebol....

Ainda encontrando textos meus perdidos no ciberespaço. Dessa vez a pérola veio de um blog que esqueci que tinha, e que também não foi muito a frente, tinha só uns 5 textos.

O texto, de 2007, fala da abertura dos jogos PAN-Americanos do Rio. Logo, nada mais coerente que republica-lo agora, as vésperas da abertura dos jogos olimpicos de Pequim.
Quem sabe amanha não publico um texto sobre a festa dos chineses....

Floresta, carnaval e futebol....

Depois de assistir a abertura nos jogos PAN-Americanos no Rio, ultima sexta uma coisa me veio a cabeça.Um episódio do desenho Os Simpsons.
A primeira vista parece não haver ligação entre uma coisa e outra (e provavelmente não há mesmo). Mas é impressionante a capacidade de conexões que o cérebro criado na frente da TV é capaz de fazer.

No episódio que gerou essa estranha conexão, a familia amarela mais conhecida dos desenhos sai de férias, seu destino? Brasil. Na verdade nunca assisti tal
episódio (depois de escrever esse texto, assisti o epsódio no youtube) mas a discussão tomou conta dos sites de noticias e programas de TV na época. O episódio intitulado "Feitiço de Lisa" (Blame it on Lisa, nº 15 da 13ª temporada), mostrava o Rio como uma selva, com macacos soltos nas ruas, nele Hommer é sequestrado e Lisa assaltada. A polêmica sobre como o mundo nos via, e retratava, durou semanas.

Os brasileiros reclamam que as estrangeiros vem as terras tupinquins como um selva. O que é verdade, já perdi as contas de entevistas que vi nas quais quando perguntados sobre como imaginavam os o Brasil, os gringos respondiam: muitas árvores, praias bonitas e muita festa...

Agora no PAN do Rio temos a oportunidade de mostar que nosso pais tem muito mais coisas além de
floresta, carnaval e futebol. Mas logo na abertura, evento com cobertura mundial e provavelmete a maior audiencia dos jogos dentro e fora do país o que tivemos?

Jacarés e cobras gigantes, centenas de ritmistas de escolas de samba, e a cena de vida boa na praia de copacabana. Tudo espetarcularmente apresentado, não ha como negar, a festa foi linda! Mas novamente mostramos as mesmas coisas ao mundo.

Não podemos reclamar o mundo só nos conheça como floresta, carnaval e futebol, pois parece que é só isso que mostramos...

Ao menos a trilha sonora salvou a festa. Apesar de começar com a "batucada" de sempre, e da musica tema do PAN, que por mais que se tente nunca vai ser um hit, na segunda parte da festa a musica muda, criando um equlibrio entre delicadeza da mpb e ritmos brasucas mais quentes. Agora só
falta descobrirmos outros compositores nacionais, para não abusarmos tanto de Tom Jobim, nada contra o mestre, mas o excesso dele fez algumas passagens parecerem novela de Manuel Carlos!

Os Simpsons é exibido no Brasil, pela Fox e pela Globo, e pode ser uma ótima alternativa para quem prefere vida sedentária à energia dos esportes.

Até a próxima e .... viva essa energia!!!
Leia Mais ››

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

No sábado a noite...

Celebridades, roupas estranhas, cabelos extravagantes, atrações previsíveis, discursos gigantescos e monótonos,....

Não, eu não estava assistindo o Oscar, mas bem que parecia.

Na falta do que fazer sábado a noite, resolvi dar uma chance ao Criança Esperança. Não assisto o show a anos, mas quando era pequena curtia bastante, na verdade adorava,então não deve ser tão ruim assim, não é?

Ledo engano! Que troço chaaatooo!!!!
Uma mega estrutura, um espaço novo, centenas de ingressos (nada baratos) vendidos. Uma semana inteira com informações da preparação do show ocupando um espaço significativos da grade de programação, e o pessoal dublou?

Não teve (ao menos na noite de sábado) uma alma caridosa que cantasse ao vivo? Ou será que a globo acha não dá para perceber a falta de sincronia ente a musica e a boca dos cantores? Será que a nova tecnologia em High Definition, conserta esses erros?

Isso sem falar no pequeno numero de atrações. Mesmo recrutando todo o star-sistem global o show encolheu, provavelmente porque metade das atrações apareceriam apenas no domingo.

Imagine pagar R$60,00 para assistir, meia dúzia de atrações dubladas, e frequentemente interrompidas por longos discursos decorados. Só uma alma caridosa mesmo!

Eu não me lembro de ter tantos discursos gigantescos, quando eu era pequena. Ainda mais esse tipo de discurso que mais do que nos convencer a doar, também tenta nos fazer sentir mal. Apresentando casos de crianças que sofrem algum tipo de violência, ou enfrentam dificuldade, como se a culpa fosse única e exclusivamente do expectador. Especialmente aquele que não doou nas edições anteriores.

O expectador tem sim sua parcela de culpa, como membro da sociedade, mas o problema faz parte de um contexto maior. Esse discurso "existe gente pior que você, é obrigação sua ajuda-los", não vai mudar a situação, não vai transformar a sociedade, bem como a campanha em sim. O dinheiro ajuda muita gente sim, mas não é ele que vai acabar com os problemas que nossas crianças enfrentam. Então porque perder tempo irritando o expectador?

Pra não dizer que só sei criticar.... alguns artistas, apresentaram números diferentes de seu repertório, exclusivos para o evento, como o dueto entre Alexandre Pires e Alcione ou mesmo a Juliana Paes cantando Cher.
Isso é muito legal!

Ao chegar ao final do programa, satisfeita apenas por não ter caído no sono, fiquei na duvida:
A qualidade do evento caiu ao longo dos anos? Ou é verdade que pelos olhos de uma criança tudo tem mais graça?

De qualquer forma faça sua parte e ligue:
(a menos que você acredite na história, de que a globo abate a sua doação do imposto de renda dela, aí não faça nada)
0800 2008 007 - para doar R$7,00
0800 2008 015 - para doar R$15,00
0800 2008 030 - para doar R$30,00
Leia Mais ››
 
Copyright © 2014 Ah! E por falar nisso... • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top